Diário de viagem – Dia 5 – Verona

Ahhhh Verona… Verona fica a mais ou menos 2 horas de Milão. Então pegamos o trem de 07:30 da manhã, e fomos para essa cidade linda. Eu fui dormindo no meio do caminho, acordar cedo e aguentar esse calor que está fazendo na Itália não é fácil.

Chegamos em Verona, e tinha uma menina dando informações turísticas. O balcão dela era uma bicicleta amarela, com uma carroça integrada, cheia de panfletos, mapas e etc. Uma fofura!

Pegamos um mapa, e fomos andando até o centro da cidade. Acho que são mais ou menos uns 13 minutos andando então é de boas. Se você seguir o mapa, você consegue ver tudo direitinho. Entrando no centro tem um murão gigante com duas entradas, lindo! Andando mais um pouco tem uma praça, e mais pra frente a Arena. Nessa Arena acho que rolam várias peças de teatro, pois do lado de fora tinha alguns “carros alegóricos”, e fantasias gigantes. Nessa praça tem muitos restaurantes, bares e etc. Seguindo a reta você passa por várias lojas, até parei pra fazer umas comprinhas.

Depois de andar por todas as lojas, chegamos na casa de Julieta. E só pra entrar no que seria o quintal, tem fila. Muitas pessoas querendo entrar, e tocar no peito da Julieta. Eu não entrei na casa por que tinha uma fila enorme, e também não tava afim de pagar. Mas deu pra ver o como as pessoas são apaixonadas pela história. Até entrei na onda eu coloquei um papelzinho com o meu nome e o do meu namorado. Risos.

Depois de visitar a Julieta, seguimos s rua e sentamos em um restaurante pra tomar um drink. O calor continua na Itália, e andar nesse sol, é bem cansativo. Depois de relaxar, voltamos a andar, vistamos as igrejas, a prefeitura, um outro prédio que parecia uma prisão, a feirinha da cidade, e fomos nos enfiando pelas ruas. Nosso trem saía as 18:00.

Ah, uma coisa que esqueci de comentar, nós fizemos check out do Hotel, e deixamos a nossa mala na estação. Um dia inteiro custa 20 euros, e 5 horas são 6 euros e a partir das 5 horas vai somando mais 1 Euro a cada hora. Sofri.

Assim que chegamos em Milão, fomos jantar e dá pra fazer tudo na estação de trem mesmo. Lá tem tudo! Depois de comer seguimos pra Rodoviária pra pegar o ônibus do nosso próximo destino.

Até amanhã!

Beijos, Ingrid Costa.

Leave a Reply